43 anos do Zoo: Animais recebem “festa” pela passagem de aniversário do parque

Café da Manhã para imprensa foi promovido pela gerência do Parque que apresentou as atividades cotidianas de um dos principais refúgios de animais silvestres da Região Oeste

Divulgação/Secom

Nesta segunda-feira (13), a Divisão de Vida Silvestre e Bem-Estar Animal da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Sema) recepcionou a imprensa e convidados para um café da manhã, em comemoração aos 43 anos de fundação do Zoológico de Cascavel, que fica abrigado no Parque Ambiental Danilo Galafassi. O prefeito Leonaldo Paranhos, o secretário Municipal do Meio Ambiente, Nei Hamilton Haveroth, o diretor do Departamento de Conservação Ambiental e Bem Estar Animal, Ailton Martins Lima, o Gerente da Divisão de Vida Silvestre e Bem Estar Animal, Rodrigo Neca Ribeiro e sua equipe de biológicos, tratadores, médicos veterinários, estagiários compartilharam com os convidados a evolução do Zoológico ao longo de quatro décadas.

“Temos nesse parque a preservação da fauna e flora, mais do que isso: consolidar o zoológico dentro das normas ambientais, diferente de outros municípios que estão fechando os espaços de preservação de espécies. Ele (zoológico) está dentro de um grande investimento que vamos fazer chamado Território Verde, uma unidade ambiental no coração de Cascavel que abriga preservação, pesquisa e a visitação.“, destacou o Prefeito Leonaldo Paranhos.

“O zoológico é a contemplação do cuidado constante com a fauna e a flora, e ainda o papel de cada espécie no Meio Ambiente. Com o apoio do Prefeito Paranhos e o trabalho dos nossos colaboradores do Zoo temos um parque voltado à preservação, educação ambiental, pesquisa e a visitação do público.“, enfatizou o Secretário Municipal do Meio Ambiente, Nei Hamilton Haveroth

“A empatia do público com o Zoológico é muito importante, pois trazemos para esse espaço a educação ambiental com o foco na preservação das espécies e o papel de cada um deles. Agradeço ao secretário Nei e ao Prefeito Paranhos, aos nossos colaboradores do Zoo que lutam incansavelmente pelo bem estar de todos as espécies que aqui permanece.“, agradeceu o gerente da Divisão de Vida Silvestre e Bem Estar Animal, Rodrigo Neca Ribeiro.

Leão Gaúcho

O saudoso Leão Gaúcho também foi lembrado no aniversário do Zoo. O felino permaneceu no parque por mais de 20 anos sob os cuidados dos médicos veterinários e biólogos até o final da vida.

Ele é considerado o símbolo da luta contra os maus tratos aos animais, e foi homenageado pela artista plástica, Marines Dal Pozzo Pilonetto.

O Zoológico

Em 23 de julho de 1976 através Decreto Municipal n º 890/76, foi criado o Parque Municipal Danilo Galafassi, com uma área de 17,91 hectares.  Este Parque possui grande importância, por abrigar as principais nascentes do rio Cascavel e um remanescente de vegetação composta por Araucária, Cedro, Angico, Palmito, Erva Mate entre outras.  Com o objetivo de se criar um espaço para o lazer dos cascavelenses, neste local instalou-se o Zoológico Municipal de Cascavel, inaugurado em 12 de dezembro de 1978.

O Zoológico está localizado no município de Cascavel, na Rua Fortunato Bebber, nº 2307, bairro Jardim Nova York, no interior do Parque Natural Municipal Danilo Galafassi.  Conta atualmente com cerca de 350 animais, de 72 espécies entre mamíferos, aves e répteis.  Os animais estão dispostos em recintos específicos de acordo a legislação vigente que Institui e normatiza as categorias de uso e manejo da fauna silvestre em cativeiro (IN 07/2015-IBAMA)  Os animais que compõem o plantel do Zoológico são oriundos de: Apreensões e resgates realizados por órgão ambientais como,ü IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), IAT (Instituto Água e Terra) e a Polícia Ambiental.  Permutas de animais com outras instituições;ü  Transferências de outros Zoológicos (animais excedentes);ü  Nascimentos no próprio Zoológico.ü

Os Animais

O Zoológico Municipal tem a atribuição de guarda, proteção e cuidado do plantel de 370 animais de 72 espécies. Os cuidados envolvem nutrição, limpeza de recintos e atendimento clínico veterinário tanto em Check-up de rotina como eventuais emergências. Já o Setor Extra, tem a atribuição de recepção aos animais oriundos de órgãos ambientais como o Instituto Água e Terra – IAT, ser um espaço de recuperação para os animais excedentes do plantel ou aqueles que aguardam sua reintrodução na natureza

Quadro Funcional

A Divisão de Vida Silvestre e Bem Estar Animal conta atualmente com 31 servidores, em 08 funções diferentes distribuídos da seguinte forma: 01 Agente administrativo, 03 Auxiliares de serviço geral, 01 Biólogo, 04 Estagiários da área de biologia, 07 Estagiários da área de medicina veterinária, 04 Médicos veterinários, 08 Tratadores de animais e 02 Zeladores.

Museu de História Natural

O Museu de História Natural do Zoológico de Cascavel denominado primeiramente de “Augusto Ruschi”, em homenagem póstuma ao Patrono da ecologia no Brasil, o cientista, agrônomo e naturalista Augusto Ruschi, foi inaugurado em julho de 1986, recebendo diariamente, intensa visitação.

No ano 1992 foi construída uma nova edificação, o Centro de Educação Ambiental do Zoológico de Cascavel com verba recebida do Projeto do Unibanco – Ecologia, que a disponibilizou após aprová-la, através do Projeto do Programa de Educação Ambiental “Preservação da Natureza”, realizado com os alunos das escolas públicas de Cascavel. Para melhor atender o público o museu foi transferido para este novo espaço.

(Secom)

Relacionadas

Leave a Comment