Audiência pública debate revitalização das avenidas Carlos Gomes e Rocha Pombo

Durante a audiência foram a presentados os estudos para revitalização e a população contribuiu com sugestões que serão inseridas no projeto executivo que começa a ser elaborado na próxima segunda-feira

Foto: Manoel Teixeira

O Instituto de Planejamento de Cascavel (IPC) promoveu na noite de ontem (3) uma audiência pública para debater os estudos feitos pela empresa Logit, que apresentou propostas técnicas de revitalização das avenidas Carlos Gomes e Rocha Pombo.

Durante a audiência, a comunidade pôde participar realizando perguntas para que a equipe técnica realizasse os esclarecimento referente aos estudos. O planejamento e discussão em torno da revitalização, no entanto, já vem acontecendo desde o início do ano passado. Foram realizadas 38 oficinas e discussões nos bairros, pesquisa de origem e destino, além de uma ampla reunião que aconteceu na Amic, especificamente sobre a Carlos Gomes para debate o projeto da avenida.

A empresa Logit apresentou o estudo realizado com as intervenções propostas para melhorar a mobilidade e modernizar a Carlos Gomes. Durante o estudo, foram ouvidas 8.400 pessoas. A proposta para a Carlos Gomes foi pensada considerando o contexto geral da mobilidade na cidade de Cascavel. O projeto proposto previa uma ciclovia na Avenida Carlos Gomes, com o objetivo de trazer ainda mais atrativos para a população e beneficiar o comércio. “Nós entendemos que o projeto deve contemplar o maior número de pessoas e modais de transporte, trazendo benefícios para a Cidade como um todo, considerando que, principalmente os comerciantes não desejavam a ciclovia na Avenida Carlos Gomes, fizemos a proposta de implantar a ciclovia na Alexandre de Gusmão, para que não houvesse nenhum prejuízo ao ciclista ou ao comércio, atendendo aos anseios da população”, afirma o presidente do IPC, Tales Riedi Guilherme.

A empresa que irá realizar o projeto executivo da Carlos Gomes terá seis meses para entregar o trabalho. Depois disso, o Município de Cascavel irá abrir o processo de licitação. A previsão é de que as intervenções na avenida comecem no início de 2023.

(Secom)

Relacionadas

Leave a Comment