FHC diz que CPI da Covid pode parecer show, mas é necessária

“É melhor ter exagero do que não ter CPI”, disse o ex-presidente em live para o Liberdade 65 sobre o colegiado

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou, em uma live do Liberdade 65 nessa quinta-feira (3/6), que a CPI da Covid-19 “pode parecer que é só o show, contém partes de show, mas além disso é um instrumento de defesa da sociedade”.

Para o ex-presidente, “às vezes há exagero, precisa entender, mas não tem problema. É melhor ter exagero do que não ter CPI”.

A entrevista contou com a presença dos advogados Dora Cavalcanti, pré-candidata à presidência da OAB-SP, e Augusto de Arruda Botelho.

FHC também elogiou o depoimento da infectologista Luana Araújo, na última quarta-feira (2/5) à CPI, mas disse que não tem assistido aos demais.

O ex-presidente criticou o governo no trato à pandemia. Apesar de se declarar contra o impeachment de Jair Bolsonaro (sem partido), FHC afirmou que “no nosso atual governo faltou solidariedade”. “A primeira tentativa do nosso atual governante é de não assumir a responsabilidade”, disse.
Foto: MASAO GOTO FILHO
(Metrópoles)

Deixe um comentário