Militares destroem mais de 40 igrejas em Miamar

Em Mianmar, desde o golpe de Estado em fevereiro, militares destruíram pelo menos 47 igrejas e mais de uma dúzia de edifícios afiliados em seus ataques nas regiões predominantemente cristãs.

No Estado de Chin, cerca de 35 igrejas e 15 edifícios associados a igrejas foram destruídos, e no Estado de Kayah foram 12 igrejas. Cristãos são minorias étnicas que vivem em várias zonas de conflito através das fronteiras do país, incluindo os dois Estados.

Anteriormente conhecido como Birmânia, o país do Sudeste Asiático é o lar da mais longa Guerra Civil do mundo, que começou em 1948.

Relacionadas

Leave a Comment