“Não cometam loucura, porque o povo está alerta”, diz Malafaia em recado ao STF

Pastor voltou a se manifestar sobre o momento político turbulento em Brasília e sugeriu que se o STF tentar intervir na decisão de Bolsonaro que perdoou o deputado Daniel Silveira dos crimes cometidos, os ministros sentirão a força do povo

O pastor Silas Malafaia, um dos grandes nomes da direita brasileira e um dos principais líderes evangélicos do Brasil, voltou a se manifestar sobre a situação política turbulenta em Brasília desde que o deputado federal Daniel Silveira foi condenado a oito anos de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por defender os atos antidemocráticos violentos.

Após o presidente Jair Bolsonaro perdoar o parlamentar, editando um decreto com indulto presidencial, Malafaia voltou às redes sociais deu um recado aos ministros do STF.

“Atenção povo brasileiro, senhores ministros do STF. O povo brasileiro está com o presidente, não cometam nem uma loucura nessa questão que vocês vão sentir a força do povo. O povo é o supremo poder, o presidente da república autoridade máxima e nas suas atribuições deu indulto dessa vergonha, uma vergonha absurda, onde um ministro é vítima, juiz acusador”, afirmou.

Para Malafaia, a verdade foi restabelecida com a decisão do presidente ao qual classificou de “macho”.

Quando o STF decidiu pela condenação e Silveira, o pastor já havia se manifestado e chamou o ministro Alexandre de Moraes de “ditador”, “cretino” e “desgraçado”, além de mostrar decepção com o ministro evangélico André Mendonça, que votou pela condenação do deputado.

Relacionadas

Leave a Comment