Novo Trevo Cataratas garante mobilidade a ciclistas e pedestres

Piso tátil nas calçadas e na passarela atendem normas de acessibilidade

Reprodução

A inclusão e a acessibilidade são pontos fundamentais e estratégicos, presentes nos projetos desenvolvidos pela equipe de engenharia da Ecocataratas, empresa do grupo EcoRodovias. O novo Trevo Cataratas é um bom exemplo desse planejamento e execução, harmonizando a convivência do motorista, pedestre e ciclista, a partir da implantação de ciclovia, calçadas e da nova passarela já edificada e em uso.

Serão 1.300 metros de extensão da ciclovia e mais 1.700 metros de calçadas que em suas rampas de acesso, terão piso tátil, de forma a orientar as pessoas com deficiência visual. Em todo o complexo, oito faixas de pedestres implantadas em pontos estratégicos e definidas com base em estudos de fluxo e passagens, vão garantir uma travessia ainda mais segura.

Acessibilidade garantida

Felipe Bento da Silva, 29 anos, é deficiente visual e sabe da importância de projetos como do novo Trevo Cataratas serem concebidos de maneira a contemplar a acessibilidade. “O piso tátil é uma referência para nós (deficientes visuais), pois proporciona a orientação necessária e segurança nos deslocamentos”, comenta Felipe, que tem deficiência visual adquirida desde os 21 anos, por conta de uma inflamação do nervo óptico, lhe causando a cegueira total. Conforme informações apuradas com a ACADEVI (Associação Cascavelense dos Deficientes Visuais), Cascavel conta com 900 pessoas com essa deficiência.

Para a gerente de Engenharia da Concessionária Ecocataratas, Hellem Prim Variani, uma das prioridades do projeto do novo Trevo Cataratas é a de garantir a segurança aos usuários de todos os meios de transporte. “Ciclistas, pedestres e motoristas terão seu espaço, sem deixar de lado o fator primordial, que é o da segurança”, sintetiza.

IMPORTANTE

Neste período de obras, a Ecocataratas orienta pedestres e ciclistas sobre o risco de circular pelo canteiro central, onde concentram-se as frentes de trabalho. O fluxo de máquinas e equipamentos, caminhões e trabalhadores é intenso, sendo os únicos autorizados a permanecerem no local. Todos os operários utilizam equipamentos de proteção individual, como uniforme, capacetes, coletes refletivos e botinas, e são constantemente treinados para exercerem suas atividades com a devida segurança. A concessionária trabalha intensivamente, de forma a garantir a segurança dos colaboradores que atuam na obra do Trevo Cataratas, e oferece como alternativa segura para quem precisa passar pelo local, calçadas em todo o entorno do canteiro de obras, bem como a passarela de uso de pedestres e ciclistas. A Ecocataratas reforça que é terminantemente proibido a permanência de pessoas não autorizadas no canteiro de obras, conforme a sinalização indicativa de orientação sobre o distanciamento e segurança.

(Assessoria)

Relacionadas

Leave a Comment