Técnico Carille é demitido horas após goleada do Athletico na Bolívia

Foram 21 dias no comando do time, lanterna do Grupo B da LIbertadores

© José Tramontin/athletico.com.br

Com apenas 21 dias no cargo, o técnico Fábio Carille deixa o Athletico (PR) após a goleada sofrida por 5 a 0 contra o The Strongest, da Bolívia, em La Paz, em duelo da fase de grupos da Copa Libertadores. A decisão de demiti-lo partiu do presidente do clube Mario Celso Petraglia. Além de Carille, o clube comunicou o desligamento dos auxiliares Leandro da Silva e Denis Faria Luup e a demissão do diretor de futebol Fernando Yamada.

Foram apenas sete jogos de Carille no comando da equipe paranaense, tendo conquistado três vitórias e sofrido quatro derrotas. Na Copa Libertadores, ele deixa o comado do Furacão na lanterna do Grupo B. Já no Campeonato Brasileiro, os rubro-negros se encontram na 16ª colocação, uma posição acima da zona de rebaixamento.

Após a goleada na Bolívia pela Libertadores, o treinador chamou a atuação do Athletico de vergonhosa. Agora sem treinador, o Furacão volta a campo no sábado (7), contra o Ceará, na Arena da Baixada, pela Série A do Campeonato Brasileiro.

(Agência Brasil)

Relacionadas

Leave a Comment